Debates e estudo de temas relacionados a Direito e Processo do Trabalho. Livros, e-books e materiais jurídicos. Pesquisas e críticas acadêmicas. Democratização do ensino. Concursos públicos. Finalidade altruística e vocacional.

quinta-feira, 27 de julho de 2017

Estudando para a segunda fase sem se enganar

Estudando para a segunda fase sem se enganar

A primeira coisa a se ter em mente é que não tem Google na prova. É triste, eu sei. Google é vida não é? Então, não adianta responder a questão lindamente com consulta se no dia da prova só te resta o bom e velho vade mecum (Sem anotações, claro).

Eu reprovei seis vezes na segunda fase por ter me apegado ao Google, dentre outras coisas. Vinha a questão, eu estudava, lia um monte de artigos, livros, anotava algumas coisas e respondia. Fica tudo ótimo. Professor batia palmas. No dia da prova eu tinha vontade de correr gritando pelo corredor (Risos!).

O fato é que além de não ter Google, você precisa responder à mão, igualzinho acontece no dia. Não adianta fazer no PC, com o botão mágico de deletar, de copiar e colar, de corrigir os errinhos de ortografia e concordância. No dia da prova tem PC? Tem não!

Sugiro fortemente que você anote o tempo gasto (o ideal são 25 minutos por questão) e controle o limite de linhas (25 linhas também). Aproveitando, você já leu o edital sobre a prova da segunda fase ou vai esperar passar pra ficar desesperado? Aliás, leia logo o edital todo. É básico isso.

O que você pode levar: caneta preta ou azul com tubo transparente. Normalmente eles não deixam utilizar lápis ou marca texto, nem no rascunho. Seja forte.

Livros: Vou contar os que eu usava! Vade da rideel (acadêmico de direito), CLT da LTR, Normas Internacionais do Fabre e livro de NRs (esse último só apoio psicológico, pois eu nunca usei rs). A questão na verdade é que você precisa ter seu material de prova separado, ele não pode ter rabisco! Só lingüetas com o número das leis (no vade por exemplo).

Se você tiver o material de costume, de uso semanal, no dia da prova facilita bem, porque acredite, não achamos nem o art. 942 do CC fácil. Parece que dá uma cegueira sabe?

Outra coisa! Leve um chocolatinho pra dar energia. Leve água, mas beba pouca, não dá pra fazer xixi um monte de vezes. Prova é estratégia senhores. Tomem nota disso.

Por fim, tem muito cursinho no mercado, tem coisa boa, tem coisa que nem devia existir. Selecione com cuidado, especialmente aqueles que corrigem individualmente e te estimulam a responder como no ambiente de prova.

Avante!

* Esta postagem é de autoria da colaboradora Dra. Samantha Steil, Juíza do Trabalho Substituta do TRT-2

Reações:

2 comentários:

  1. Dra. Samantha vc indicaria algum curso preparatorio que valeria a pena? Inclusive Ead?

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...